Mostrando postagens com marcador Bonecas Japonesas. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Bonecas Japonesas. Mostrar todas as postagens

domingo, 29 de março de 2015

Vintage Pose Doll

Como era comum encontrar uma boneca fazendo pose elegantemente nas penteadeiras da década de 70, as famosas bonecas Pose Doll Japonesas em estilo Mangá:
"Vintage Japan Pose Doll Bradley"
Bonecas Pose Doll lembra em muito a cabeçuda Blythe,
corpo fino elegante com cabeça e olhos grandes: 
pesquisando internet encontrei pouco assunto sobre real origem da Boneca Pose Doll, 
fiz uma rapida visita ao site  Doll Kind e breve resumo
"Vintage Pose Doll Bradley"  
Bradley Dolls importava para EUA do Japão as bonecas Pose Doll pela Divisão de Bradley Import Co., fundada em 1954 e em 1984 foi comprada pela para Hasbro,
Hoje variando preço no ebay US$ 10,00 a US$ 100,00,
 encontrei esta pagina no flickr com fotos  de catálogo  Bradley Satin Doll 
Bonecas Pose Doll, bonecas de tecido nylon beje com corpo de espuma, olhos grandes pintados a mão, uma das caracteristica marcante da boneca é a pose sentada de pernas elegantemente cruzadas:
Pose Doll /  Elegant Doll: 
Bonecas Pose Doll em estilo ilustrações Mangá da década de 60 e 70:
Bonecas Estilo Mangá da década de 70

Os olhos grandes das bonecas Pose oll é estilo ilustrações Mangá da época no Japão:

Anos 80 era comum encontrar bonecas musical  tipo Pose doll " made in Hong Kong" , 
muitas delas entrando no Brasil via comércio do Paraguay:
 Bonecas musicais fazendo pose como peças decorativas anos 70 e 80:
 Bonecas com olhos pintados a mão:
 Bonecas com olhos grandes lembram a expressão dos olhos das meninas de desenhos de mangas:
Feliz Momento Nostalgia!

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Coleção Bonecas Kokeshi e antigas bonecas japonesas

Como colecionadora de bonecas sempre aprecie em especial as Kokeshi ou como as chamo desde pequena  “bonequinhas de madeira”, passei a infância apreciando como decoração e fazendo parte da vida de minhas amigas nissei:
Sou feliz de te-las "adotado" aos longos dos anos, elas contam muita historia por onde passaram. As pequenas bonecas Kokeshi são de madeira feito a mão com 400 anos de tradição, são cerca de 10 estilos de bonecas com cabeça grande com corpo cilíndrico sem braços ou pernas, que confesso não sei muito diferencia-las entre os 10 modelos,  pois pra mim são bonecas independente do mito que as cercam, uns dizem que ela foi criada pra souvenir, outros que são de alma de crianças mortas, para outros  são boneca da sorte,
  o nome Kokeshi tem o significado de “crianças perdidas”
Visitando internet site Colossal é possivel deparar com um video fabuloso  produzido por tetotetote, uma organização com destaque para as artes e ofícios do Japão 
(assista o video e entenda a paixão  que tenho por preservar estas belissimas bonequinhas de madeiras entre meus itens coleção de bonecas)
Coleção antigas bonecas Kokeshi:

 mini kokeshi com paisagem  tipica do japão em caixas de vidro:
 Kokeshi Dolls:
 Antique Japanese doll:
 Coleção bonecas japonesas:
chaveiros 
Chaveiros personagens como Mônica, Topo Gigio, Pato Donald e Mug em madeira estilo Kokeshi:
 casal kokeshi em chaveiro década de 60:





 muitas bonecas fizeram parte de decoração de casas de amigos Japoneses e Nisseis:
fizeram parte de fotos de infância:




antigas bonecas japonesas feitas em massa de arroz:
  boneca japonesa decada de 40:
Pose Doll fotos click AQUI

Boneca japonsa  estilo "Pose Doll" Musical década de 70:
Boneca Candy japonesa 







breve trago outras fotos

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Boneca Susi Japonesa de 1971

Yatta!    やった
 TRADUÇÃO = 
 Viva! (literalmente: Eu ou nós conseguimos), Sim!, Eba!
São duas Bonecas Susi Japonesas originais em Traje Tipico com Quimono de seda estampado diferentes. Curiosidade, foi somente em 1971 que a Estrela colocou Susi em traje tipico com Quimono:
 imagem original catalogo da Boneca Susi Japonesa nº 63271 da Estrela de 1971, Boneca em Traje Tipico Japonesa com Quimono de seda estampado e forrado, penteado típico com flores de cerejeira:







Elegância...
É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza. É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto. É uma elegância desobrigada.

É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam. Nas pessoas que escutam mais do que falam. E quando falam, passam longe da fofoca, das pequenas maldades ampliadas no boca a boca.

É possível detectá-la nas pessoas que não usam um tom superior de voz ao se dirigir a frentistas, por exemplo. Nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.

É possível detectá-la em pessoas pontuais.

Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem presenteia fora das datas festivas, é quem cumpre o que promete e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está. Oferecer flores é sempre elegante. É elegante não ficar espaçoso demais. É elegante você fazer algo por alguém, e este alguém jamais saber o que você teve que se arrebentar para o fazer… porém, é elegante reconhecer o esforço, a amizade e as qualidades dos outros.

É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao outro. É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais.

É elegante retribuir carinho e solidariedade.

É elegante o silêncio, diante de uma rejeição…

Sobrenome, jóias e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.

Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante. É elegante a gentileza. Atitudes gentis falam mais que mil imagens…

…Abrir a porta para alguém é muito elegante… dar o lugar para alguém sentar… Oferecer ajuda… …Olhar nos olhos, ao conversar…

Sorrir, sempre é muito elegante e faz um bem enorme para a alma…

 Boneca Susi Japonesa usa penteado típico japonês com flores de cerejeira:
Foto anos 30 uso original do penteado Japonês:

Passei minha infância entre muitos vizinhos de descendência japonesa, entre elas duas vizinhas primas Elza e Carmem (Aiako), amava comer os docinhos japonês feitos por suas mães, ficava horas apreciando na vitrine bonecas tipicamente vestidas em trajes Japoneses., talheres "hashi" e utensilios era tudo diferente para meu dia a dia:
caixinhas de musicas lindas pintadas a mão sempre temática ao Monte Fuiji: 


Foi através da Carmem que tive contato com lingua japonesa (não aprendi) foi com ela que aprendi a desenhar Manga as lindas mocinhas de olhos grandes...já era super moda na década de 70/ 80, 
que saudade...
Muitas festas como bon-odori que são mantido como festa tradicional em Mirandópolis / Bairro Aliança:
Fotos comunidade Yuba (AQUI) Mirandópolis /  Bairro Aliança
Bon Odori (texto / fonte comunidade Yuba)
O Obon é uma tradicional festividade japonesa que tem sua origem no Budismo. A festa simboliza gratidão pela boa colheita e celebra as almas dos antepassados através da dança, o Bon Odori, ao som dos tambores típicos japoneses (taiko), das flautas de bambu (fue) e do canto em estilo min'yo:
A dança consiste em movimentos delicados e simples com cinco gestos básicos: colher, ceifar, semear, agradecer e festejar:
 No Brasil, o Bon Odori difundiu-se através dos imigrantes japoneses que desejavam dar continuidade às tradições de sua terra natal, existindo atualmente diversos grupos espalhados por todo Brasil. 
Dômo arigatô gozaimasu   どうもありがとうございます: Muito obrigado.