Mostrando postagens com marcador Bonecas Belém. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Bonecas Belém. Mostrar todas as postagens

sábado, 12 de novembro de 2016

História das Bonecas Inquebráveis da Fábrica de Bonecas Belém 1919 à 1950

Como colecionadora de emoções venho compartilhar um momento mágico carregado de sentimento ao receber  um relato da mémoria de quem manuseou e cuidou de detalhes ao lado de um Pai talentoso e apaixonado no que fazia na arte de criar bonecas de massa nos anos 20 no Brasil  
"As Bonecas Inquebráveis da Fábrica de Bonecas Belém  1919 à 1950 - São Paulo SP: 
Quem compartilha a história da Fábrica de boneca Belem é o Sr João Cárceles de 87 anos, neto de Juan e Fulgencia e Filho de Francisco e Carmen,
asssita o vídeo e entenderá a emoção de ouvir relatos de como uma boneca de massa e papelão era produzida no começo do século passado no Brasil:

As Bonecas Inquebráveis da Fábrica de Bonecas Belém  1919 à 1950,  foi fundada no Brasil no Bairro de Belém na cidade de São Paulo pelo Espanhol Juan Cárceles Cegarra, (Conhecido como João das Bonecas) as bonecas eram consideradas inquebráveis devido o corpo ser de papelão moldado e a cabeça de massa composta de formol, caulim, cola de coqueiro e agua,  os braços, pernas e pescoço tinham articulação 360º devido serem  presas por elásticos internos, 
 detalhe marcante em toda coleção das bonecas de Belém é que olhos eram todos pintados a mão pelo fundador e seus filhos:
 Foto da Família do  Fundador da Fábrica de Bonecas Belém com seus filhos,  
Francisco, Antonio e Pepe que auxiliavam na produção das boneca,
 Esposa  Fulgencia e suas duas filhas Lola e Josefina cuidavam da costura das roupinhas das bonecas e bonecos.
Os  3 filhos de Juan deram continuidade na fabricação das bonecas de massa, ficaram conhecidos na região da 25 março nos anos 20 e 40 como os "Bonequeiros Espanhois" ou "Familia de bonequeiros":
com falecimento do Fundador Sr Juan os 3 irmãos deram continuidade na produção mas em fábricas diferentes, o filho Francisco "chico das bonecas" manteve a fábrica Bonecas de Belém a qual seu filho João (foto) nos relata o belissimo registro: 

João Cárceles é filho de Francisco "Chico das Bonecas" 
a qual manteve a fábrica ativa até meados anos 50:
João Cárceles trabalhou na infância e na adolecência na fabricação artesanal das Bonecas de massa ao lado de seu pai Francisco,   João nos relata detalhes preciosos de como eram feitos a produção,  
do detalhe das pinturas das sobrancelhas,  boquinha perfeita formato de coração e as que ele queria deixar com um traço de sorriso, aqueles traços que  nós apreciadores gostamos de notar nas peças de bonecas antigas artesanais pintadas a mão,
confesso que cada traço de uma boneca antiga  sempre me deparo apreciando por minutos e imaginando quem as pintou  colocava emoção: 

 Como consegui as informações para serem compartilhadas?

agradeçam a Suely 

Suely Straub Cárceles  Bisneta de Juan, neta de Chico e Carmen e Filha de João e da Rachel, 

foi Suely  quem resgatou a mémoria da Fábrica de Bonecas Belém   ao entrar em contato  para doar-me a boneca alemã que a Familia usou de Molde para criar as famosas bonecas Inquebráveis da Fábrica de Bonecas Belém: 
Foto: Suely Straub Cárceles, Rachel, João e Ana Caldatto
 Um encontro mágico com prazer de ouvir relato de um Sr de fala calma de uma gentileza incaulável a qual passei minutos ouvindo relato de como era a fabricação das bonecas de massa inicio anos 20 no Brasil: 
 momento mágico ver olhos e dedos de João percorrendo na memória de como voltasse no tempo e tivesse fazendo os traços de pintura delicada e de precisão nas bonecas de massa na fábrica de seu pai:
Sr João mostrou-me e doou-me a boneca de celulóide Alemã a qual a família usou de molde para criar as bonecas de massa brasileira:
 sorriso é de quem presenciou um registro histórico da memória de uma  fábrica de Boneca no Brasil:
 agradecimento resume o que posso transmitir de volta ao Sr João e Familiares!